O preconceito não tem peso físico que possa ser contabilizado em uma balança, mas pesa bem mais que o corpo de um gordo.

O preconceito não tem sexualidade nem preferência por gênero, mas é tão violento quanto um estupro.

O preconceito não tem cor visível, mas com toda certeza é bem mais escuro que a pele de um negro.

O preconceito não tem preço ele é distribuído de graça, o preconceito é vivo e se move com rapidez de um lince, espalha-se como um vírus, impregna o mundo e permanece anônimo mesmo quando esta mostrando a cara.

Dê voz a sua luta, seja contra o preconceito seja ele em que seguimento social esteja, o peso do preconceito pode ser grande,

porem o peso da sua força é bem maior.(Milly Costa)

22 de mar de 2012

Polícia apura agressão a deficiente física em escola de Ribeirão Preto

Foto:( Reprodução/EPTV)



Pai disse que menina de 13 anos foi agredida por oito estudantes no pátio.
Direção confirma briga mas precisa reunir conselho para definir punição.

A Polícia Civil investiga a denúncia de agressão a uma deficiente física de 13 anos dentro da escola em Ribeirão Preto(SP). O pai da vítima, Adauto Morais de Assis, disse que a filha foi agredida por oito estudantes entre 14 e 15 anos.

O caso teria acontecido na manhã de segunda-feira (19), mas o boletim de ocorrência só foi registrado na tarde de terça-feira (20) porque, segundo Assis, a família foi ameaçada. “Não sabemos o que pode acontecer amanhã ou depois. Vamos ter alguns cuidados a mais, porque não é a primeira briga que acontece lá dentro [da escola]”, afirmou.



A adolescente passou por exame de corpo de delito nesta terça-feira (20) e apontou aos policiais escoriações no rosto, braços e pernas. O caso será investigado pela Delegacia da Infância e Juventude (Diju).

Escola
O vice-diretor da Escola Estadual Professor Rafael Leme Franco, Eber Nascimento, confirmou que o caso aconteceu dentro do pátio durante um intervalo.

Nascimento disse que as agressoras ainda não foram punidas porque a decisão deve ser tomada pelo conselho da escola, composto por professores e pais de alunos. “São várias situações que precisam ser avaliadas antes de aplicar uma sanção administrativa”, afirmou.

A direção também aguarda as famílias confirmarem se as jovens continuarão matriculadas ou solicitarão transferência para outro colégio.

Fonte : G1

Veja o video :



Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. Não entendo o que é que a juventude de hoje em dia tem na cabeça... na verdade não têm nada, consciência, valores morais, cívicos ou que for, porque senão, não cometeriam actos deste gênero.
    Tuli
    prettifyournails.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente falta a educação...o ensinamento dos pais, comprometimento...hj o mundo é capitalista 100% sim, os pais precisam trabalhar sim, mas cade a responsabilidade né ?
      os pais tem mta culpa nisso !

      Excluir
  2. Eu estudo nessa escola, acompanhei a briga, e infelizmente é um erro que você não tenha o mínimo de senso crítico. A notícia foi manipulada, a menina deficiente é uma encrenqueira, com histórico de brigas em outras escolas. Na realidade, a pessoa que agrediu a menina não tinha nada a ver com a história, uma idiota mesmo por ter entrado na briga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tati seria bom se fosse facil falar de algo que não presenciamos,e senso critico nem vc tem , ao chegar em um blog que vc não conhece e vir julgar o post.
      Aqui postamos sempre sobre os dois lados da história, e a menina em questão que foi agredida e a agressora estão erradas da mesma forma!

      Excluir
  3. ☺☺ Oie, Bom Dia Nana!! Que mimo teu blog..realmente o preconceito, seja ele qual for nao dá. e esse do video , vi ontem na tb. e o teu blog ele no blog de umas das gurias e vim olhar. Ótimo final de semana. Um beijo Mel.☼☼

    ResponderExcluir
  4. oi Nana minha flor é tão absurdo esse tipo de coisa que ainda me surpreende viu...xeru da Rose

    http://blogtopodendo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é tbm me surpreende e me revolta...crianças sem a minima educação!

      Excluir
  5. Estou com a Tuti e a Candydoll, é um caso muito delicado, mas tem ali acima a opinião da Tati, que diz que a coisa não foi bem assim. Bem, os fatos serão apurados, e não vou criticar essa ou aquela, mas penso como os jovens atualmente (não estou exclusivamente da Tati ou das meninas acusadas) estão muito intolerantes e penso que tipo de educação os pais estão passando para os filhos. Respeito, educação e inteligência passam longe.
    Bjs & óteema semana =D
    Esmaltes, Makeup & Cia.
    rockuroutfit.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois pensamos igual Antonia! como disse em resposta a Tuli, os pais estão "lavando as mãos" da educação dos filhos!

      Excluir

Bem vindo(a), obrigada pela visita !!!
Fique á vontade e não esqueça de seguir :)
Comentários são sempre bem vindos *-*

#WTFF??!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©