O preconceito não tem peso físico que possa ser contabilizado em uma balança, mas pesa bem mais que o corpo de um gordo.

O preconceito não tem sexualidade nem preferência por gênero, mas é tão violento quanto um estupro.

O preconceito não tem cor visível, mas com toda certeza é bem mais escuro que a pele de um negro.

O preconceito não tem preço ele é distribuído de graça, o preconceito é vivo e se move com rapidez de um lince, espalha-se como um vírus, impregna o mundo e permanece anônimo mesmo quando esta mostrando a cara.

Dê voz a sua luta, seja contra o preconceito seja ele em que seguimento social esteja, o peso do preconceito pode ser grande,

porem o peso da sua força é bem maior.(Milly Costa)

20 de out de 2011

Tristeza na China



Oi!

Não sei se o assunto de hoje condiz com o blog, mas eu acho que sim...

Hoje, quero postar aqui a minha indignação, o meu preconceito...

Vou lhes ser sincera, acho chinês porco, não é no geral, mas trabalho aqui em Sampa no bairro da Liberdade e rola uma mescla enooorme de chineses, japoneses e alguns coreanos... Eu não entro em loja de chinês nem de coreano, porque são desconfiados e ficam falando de você no idioma deles... Acho uma senhora falta de educação... Só entro em último caso se tiver algo que quero muuuito mesmo! E sobre os restaurantes, sem comentários... Chinês nem pensar! Adoro alguns pratos da culinária deles, mas eu prefiro fazer em casa, ou optar por um lugar mais caro, de confiança...

Bom mas não é sobre isso que quero falar...O assunto de hoje, é sobre um video que vi na blogosfera, de uma CRIANÇA, para ser mais exata, uma MENINA, que é atropelada DUAS VEZES, e por ela passam nada mais nada menos que DEZOITO pessoas, até que essa criatura fosse socorrida...

Eu assisti o vídeo com o coração na garganta,assisti tudo, achei que era mentira uma coisa dessa!

E para minha tristeza, não foi...

Quem é sensível, não dê play por favor.



E eu me lembrei, que quando pequena houve uma série de reportagens, sobre as meninas da China, que são mortas, jogadas fora como lixo, sufocadas, cruelmente assassinadas...

O problema é a superpopulação e o fato absurdo de que os homens tem "vantagem física maior".

Dizem que hoje não existe mais, mas, ao pesquisar sobre o assunto, olha o que li em um arquivo da revista Marie Claire:

"Numa manhã de fevereiro de 2001, numa cidade da província chinesa de Hunan, vê-se uma cena de crueldade e horror inimagináveis: na sarjeta de uma movimentada rua central estende-se o corpo minúsculo e contorcido de uma recém-nascida. Ela está nua, rodeada apenas de pedaços sujos de gaze hospitalar. Ônibus e bicicletas passam rapidamente ao lado do corpo da menina, espirrando lama sobre ela. "

2001, não é tão distante, e depois desse caso absurdo, quem garante que ainda hoje isso não existe lá?

A horrenda política do filho único, que se baseia em ter apenas um filho homem, e no caso de nascer a filha mulher, tentar um segundo filho. Política essa, que, desde 1979, vem dizimando vidas, meninas e meninos na china...

De onde saem heroínas como a assistente social Wu Hongli e a escritora Xinran Xue.
Xinran Xue


E mais, além de tudo isso, devido a superpopulação masculina, o tráfico de mulheres é coisa frequente por lá.

Abortos e esterilizações forçadas, uso de violência com que se opõe a tais práticas, assassinatos...

Dentre outras tragédias.

Eu acho absurdo. Triste.

E vocês??

Beijos.

P.S: Como diz a Camila nos comentários, a Yue Yue, de apenas dois anos, morreu na madrugada de 21/10/2011, por falência múltipla de órgãos... E a moça que a socorreu, era uma catadora de lixo, com certeza, mais uma mulher abandonada da China...

Comente com o Facebook:

11 comentários:

  1. Absurdo!!!!
    Porém, antes de mais nada, onde estavam os pais dessa menina, pelamôr!!!

    O pior pecado do ser humando é reclamar da vida.
    Nós Brasileiros reclamamos que esse país é injusto, isso e aquilo, mas na minha opinião somos o povo mais abençoado do mundo, não vivemos em Guerra, nossas crianças não são forçadas aos 3 anos e aprender a manipular armas, nós mulheres não sofremos tais preconceitos, votamos, trabalhamos, por vezes temos melhores cargos que homens, temos a amazônia, temos a água mais limpa do mundo, não sofremos terremotos e afins...
    Nada no mundo é perfeito e claro que diante as regalias que temos, tínhamos de tudo para ser um país melhor, porém... Garanto que vendo esses dramas, não só deste país, mas como África e afins, você não se sente aliviada de ser brasileira....

    ResponderExcluir
  2. A menina faleceu hoje de madrugada! Mas no fundo eu tbm achei que tinham deixado ela ali para morrer mesmo... tiste demais...chorei vendo o video!

    ResponderExcluir
  3. Às vezes eu tenho medo das pessoas ... não consigo acreditar ser verdade , na verdade não quero acreditar ... esse vídeo me deu uma tristeza tão grande , uma dor no coração , uma coisa que eu nem sei como explicar , imaginei se fosse a minha filha , passou um milhão de coisas pela minha cabeça, isso é um grande absurdo , quando que foi que o ser humano passou à ser assim ? Acho que essas imagens nunca vão sair da minha cabeça ... nunca ...

    ResponderExcluir
  4. Não vou ver o vídeo porque não vou dar conta. Tantas pessoas no mundo querendo ter filhos e não conseguem. Enquanto outras pessoas deixam suas filhas nas ruas por causa de um costume, uma cultura muito estranha. Muito triste isso. Não consigo entender.

    ResponderExcluir
  5. Não sei se consigo ver o video , mas acho com certeza que há uma falta de respeito muito grande do ser humano pelo proximo e nesse caso muito proximo, infelizmente não é só ai que ocorrem essas coisas a um tempo atras mostrei um video onde em determinada cidade as crianças são acusadas dde serem "demonios mirins" justamente pela mesma causa de superpopulação...os governantes não fazem nada, pq as pessoas se calam...todos que emudecem desta forma são co autores e isso me revolta!

    ResponderExcluir
  6. Não consegui ver o vídeo ... não vou ver.
    Triste demais isso :(

    ResponderExcluir
  7. Eu também prefiro não ver o vídeo, mas eu vi essa cena que você relatou da revista.
    Infelizmente existe e o governo chega a pagar para as famílias que não tem ou doam as meninas.
    Crime hediondo pra mim.
    Triste demais.
    E sou como você NÃO ENTRE E NÃO COMO em nenhum local chinês. Meu pai trabalhou para chineses e sei bem como funciona a falta de higiene. Não todos, mas melhor previnir.
    Beijossss

    ResponderExcluir
  8. MEUS DEUS SÓ PODEMOS ESTÁ MESMO NO FINAL DO MUNDO!!!!! QUE CRUELDADE O QUANTO ESSA GAROTINHA SOFREU TADINHA COMO DIZ A MÚSICA DO LEGIÃO QUE PAÍS É ESSE? POVO CRUEL,SEM ALMA COM CORAÇÃO DE PEDRA UM POVO DESSE MERECE MESMO MUITOS TERREMOTOS E SOFRIMENTO CREDO TEM HORA QUE O SER HUMANO DA É NOJO.

    ResponderExcluir

Bem vindo(a), obrigada pela visita !!!
Fique á vontade e não esqueça de seguir :)
Comentários são sempre bem vindos *-*

#WTFF??!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©