O preconceito não tem peso físico que possa ser contabilizado em uma balança, mas pesa bem mais que o corpo de um gordo.

O preconceito não tem sexualidade nem preferência por gênero, mas é tão violento quanto um estupro.

O preconceito não tem cor visível, mas com toda certeza é bem mais escuro que a pele de um negro.

O preconceito não tem preço ele é distribuído de graça, o preconceito é vivo e se move com rapidez de um lince, espalha-se como um vírus, impregna o mundo e permanece anônimo mesmo quando esta mostrando a cara.

Dê voz a sua luta, seja contra o preconceito seja ele em que seguimento social esteja, o peso do preconceito pode ser grande,

porem o peso da sua força é bem maior.(Milly Costa)

14 de fev de 2014

Chega!



Quantos Santiagos, Joãos, Marias, Suzanas, Ernestos dentre outros terão que morrer para tudo parar e começar do zero?
A saúde precária, educação nem se fala, não sou contra a socialização, mas não adianta dar bolsa tudo se não ensina a usar, não adianta dar remédio se não é o corpo físico que está com problema.
temos leis que seriam severas para ladrões de galinha, mas os mesmos já evoluíram e hoje roubam sonhos, vidas , mentes, pessoas, gente.
Acho lindo o direito humano, mas aquele que trata de uma criança que está sendo maltratada, aquela que não deixa um idoso ser usado por uma pessoa afim de lesa-lo, aquela que por mais que não seja totalmente cumprida, porém as vezes ajuda a mulher que foi agredida, maltratada, usada por outrem, pelo direito que luta pelo social, que já que o Estado maior não faça existem pessoas que acreditam nesses Direito humanos como tanto pregam e não agem.
Na minha opinião não é só ir para às ruas vamos fazer suspensão de coisas: determinado mercado está caro que bom, ninguém vai nele por 2 ou 3 dias, uma padaria tem preços abusivos x dias sem ir nela... Ah a passagem de ônibus aumentou vamos só de trem, metro, bicicleta, nós somos os consumidores e eles dependem muito mais de nós do que eles esse tem que ser o manifesto sem briga sem depredação e sim com o desprezo, já pensou seu Manoel da padaria vendo seus clientes indo na padaria do Joaquim, ele perderá venda logo procurará saber o porque do boicote e assim sucessivamente.
Não é difícil e sim um pequeno sacrifício, mas nenhuma guerra é vencida sem luta, porém esquecem que muitas guerras podem ser feita sem sangue e sim usando a mente.
Quer revolucionar comece a boicotar e vamos ver se não melhorará.






Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Belas palavras...tem que ter boicote sim...isto ando fazendo a muito tempo...esta caro nao compro e ate nao como...adorando teu blog Nana

    ResponderExcluir

Bem vindo(a), obrigada pela visita !!!
Fique á vontade e não esqueça de seguir :)
Comentários são sempre bem vindos *-*

#WTFF??!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©