O preconceito não tem peso físico que possa ser contabilizado em uma balança, mas pesa bem mais que o corpo de um gordo.

O preconceito não tem sexualidade nem preferência por gênero, mas é tão violento quanto um estupro.

O preconceito não tem cor visível, mas com toda certeza é bem mais escuro que a pele de um negro.

O preconceito não tem preço ele é distribuído de graça, o preconceito é vivo e se move com rapidez de um lince, espalha-se como um vírus, impregna o mundo e permanece anônimo mesmo quando esta mostrando a cara.

Dê voz a sua luta, seja contra o preconceito seja ele em que seguimento social esteja, o peso do preconceito pode ser grande,

porem o peso da sua força é bem maior.(Milly Costa)

18 de set de 2013

O poder do quem Indicou

As vezes acho que nunca vou chegar em lugar nenhum no mundo, por dois motivos, NÃO PUXO O SACO DE NINGUÉM POR NADA, NADA NESSE MUNDO e dois, não tenho amigos influentes ou ricos, isso é um grande problema para alguém que nasceu pobre, negra e gorda, ops nunca esquecendo de mulher. Mas sinceramente prefiro não chegar nas listas dos melhores do mundo em qualquer que seja a coisa a ter que ficar fazendo papel de boba. 

Porquê estou falando isso? Vou dizer que ando vendo gente sem a mínima capacidade, ocupando cargos e lugares na mídia em que nunca, nunca mesmo deveriam chegar e em contra partida gente muito gabaritada que por não ter costas quentes não foram muito longe, uma que sorte não é pra quem merece é pra quem tem e sei lá porque um monte de cretino por ai tem, mas deixa essa ideia de sorte pra lá e vamos nos apegar a ideia da indicação, do amigo do amigo, da família com dinheiro, do pai coronel, da mãe juíza, do tio vereador, da família de renome na sociedade ....  

logo um ser pode ser terrivelmente mal informado, ter se formado e não aprendido nada, ser um profissional de merda, falar quilos de asneiras e ainda assim alcançar o patamar de maior nível dentro de uma empresa ou virara o cara que vai dar dicas na televisão. Não é tão difícil ver esse tipo de situação em nossa amada e idolatrada salve, salve pátria essa é a cultura do país é assim que se acertam as coisas, se você é bom no que faz, se tem conhecimento, se é um ótimo profissional, problema seu que não tem quem indique, que não tem um sobrenome conhecido, o problema é só seu. 

admiro as pessoas que se dedicam a puxar saco de chefe ou a usar do sobrenome da família ou do parente com cargo influente para chegar a algum lugar, admiro porque é preciso ter muita falta de vergonha na cara e essa é uma das coisas que eu nunca conseguiria ter, veja o exemplo:  
Tenho uma amiga que se formou junto comigo, ela  trabalha numa grande empresa e desde que entrou nessa empresa ela acarretava a função do chefe porque o cara tinha tempo de serviço, mas não tinha formação pra resolver coisas da modernidade, por não conseguir se adaptar as inovações esse chefe foi demitido, e por ordem a minha amiga que era quem fazia as funções dele e entendia do que se trava era pra ser promovida e ocupar o cargo que ela em pratica já ocupava, mas contrariando o logico, a vaga foi preenchida por uma mocinha que era filha da amiga do gerente da empresa, que não sabia nada da função e pra variar minha amiga continua fazendo as duas funções, ganhando o mesmo salario e a vaga que seria dela por direito ficou pro quem indica. 

Hoje assistindo mais uma vez o Encontros da Fátima Bernardes tive o desprazer de rever o psicanalista do programa falando, é ele falando e eu me perguntando o que e porque ele esta no programa, fazendo o que lá, com gente bem mais profissional que ele, com gente bem mais inteligente que ele, um cara idiota que fala como se a vida dele fosse referencia para o mundo, como se a opinião dele fosse verdade irrevogável, o ser humano que se diz pesquisador, estudioso humano, medico, psicanalista isso e aquilo e não consegue ficar cinco minutos sem falar algo que seja razoável, todos os convidados do programa se chateiam com ele, nem mesmo a Fátima aguenta as bobagens que o cara diz e fica rebatendo. Mas ele está lá ta na tv, num programa de audiência, mesmo com profissionais milhares de vezes melhor que ele quem está lá é ele, não porque seja bom, mas por ter alguém para por ele lá.

Por conta disso tem muita gente boa desempregada, muita gente boa fora da mídia, muita gente inteligente de verdade não divulgando teorias verdadeiramente validas, não expandindo conhecimento.

Bjo da Gorda Milly Costa

Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. e não o q?!! É contraditório mas infelizmente o mundo é assim! Uma pena acontecer isso, pq bons profissionais que poderiam estar dando sua boa contribuição estão fora do mercado.

    ResponderExcluir

Bem vindo(a), obrigada pela visita !!!
Fique á vontade e não esqueça de seguir :)
Comentários são sempre bem vindos *-*

#WTFF??!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©